UMA ESPERA NUNCA VALEU TANTO A PENA… ANTI

O aperto no coração da Navy foi gigantesco! Esperamos incansavelmente por esse momento, nomeamos o oitavo álbum de #R8 (antes da divulgação do nome ANTI), foram várias especulações, rumores e fofocas.


MAS ANTES DE CHEGARMOS LÁ...

O processo de gravação do ANTI foi bem longo. Secretamente, Rihanna trabalhou com diversos compositores e produtores por um bom tempo. Kanye West revelou no tapete vermelho do Grammy 2015 que era o produtor executivo do disco, ou seja, responsável pela produção geral e grana. Por algum motivo ainda desconhecido, houve uma reviravolta e Kanye caiu fora. #polêmica

Ainda no início de 2015, Rihanna lançou três músicas, que até nos levaram a crer que seriam os primeiros singles do ainda chamado R8. Todas elas foram “descartadas” e ficaram como singles “soltos” daquele ano. Uma pena.

💎

A post shared by RihannaNoMundo (@rihannanomundo) on

  • FourFiveSeconds: Super colaboração de Rihanna, Kanye West e Paul McCartney. A música chegou à posição #4 das paradas norte-americanas, foi aclamada pela crítica e pelos fãs. Em outros países, alcançou alguns topos e top 10. Muito amor! FourFiveSeconds teve um simples vídeo, apresentação no Grammy 2015 (apontada pela crítica como a melhor performance da noite). Veja Rihanna cantando FFS aqui no Rio em 2015.
  • American Oxygen
  • Bitch Better Have My Money: MARAVILHOSA! Como não amar essa música?! Apesar de ter chegado à modesta posição de #15 na Billboard Hot 100, teve o vídeo mais falado e polêmico do ano. É uma das músicas favoritas dos fãs da RiRi, teve apresentação no iHeartRadio Music Awards e VMA 2016 e a cada vez que Rihanna canta ao vivo são mais tiros lançados. Like BRA BRA BRA!

Um passarinho nos contou que um CD já estava praticamente pronto, mas por divergências criativas e alguns outros motivos, resolveram descartar e daí surgiu o ANTI como conhecemos hoje.


O ANTI foi lançado pela Westbury Road Entertainment, uma divisão da Roc Nation e patrocinado pela Samsung.

Rihanna ANTI
Fotos promocionais do álbum. Arte criada por @badboynem especialmente para RIHANNA.com.br

A espera durou 3 anos até que no dia 7 de Outubro de 2015 a Rihanna Navy foi surpreendida pelo evento que daria nome ao tão desejado álbum. Rihanna organizou uma exposição na galeria de arte MAMA, em Los Angeles, para revelar a capa do CD e explicar o real significado de… ANTI.

ANTI: Uma pessoa contrária a uma política, atividade ou ideia em particular. O trabalho tem a ambição de impactar fazendo exatamente o oposto do que o público espera.

O artista Roy Nachum deu vida a capa do álbum que apresenta Rihanna quando criança, segurando um balão preto, com uma coroa de ouro e escondendo seus olhos. A obra e o tema foram marcados pela poesia escrita em Braille:

“Às vezes os que têm visão são os mais cegos.” — disse nossa poetisa, Rihanna.

A deusa marcou presença no evento e o momento foi épico:

💎

A post shared by RihannaNoMundo (@rihannanomundo) on

Impactante, certo? Mal sabiamos nós o que estava por vir.

Rihanna preparou o lançamento do CD de forma exclusiva e inesperada! Sabem do que eu estou falando? Sim, #ANTIdiaRy, a forma mais criativa de se lançar um disco e o auge da intimidade de Rihanna com os fãs.

ANTI Diary

O projeto foi visto como um site ou um jogo misterioso projetado em oito cômodos, onde o objetivo era reviver cada passo de Rihanna passando por todas as eras já lançadas. Patrocinado integralmente pela Samsung num acordo de 25 milhões de dólares, o ANTI Diary foi anunciado e visto desde premiações na TV, a exposições gigantes na Times Square.

A ideia do AntiDiary era fazer com que os fãs pudessem entendê-la durante essa jornada de 10 anos de carreira para, assim, entender próximo álbum.

Vamos relembrar o significado de cada quarto? O site oficial saiu do ar, mas disponibilizamos abaixo um vídeo para cada quarto, é só clicar no nome. 🙂

R1The Bedroom: Onde tudo começou: “A linda garotinha acordou”. “Querida Rihanna, há ouro na sua voz. Por favor, siga isso”.

R2Studio: O anúncio da descoberta do maior poder que vive dentro de Rihanna: A sua voz!

R3Closet: Retratado como solitário e escuro, a  “Boa Gartota Ficou Má”. Forte retrato do decorrer dos fatos com o lançamento de Good Girl Gone Bad. Curiosidade: Rihanna encomendou um figurino de látex de 2 mil dólares.

R4Tattoo Parlor: Tudo o que tem por trás do Rated R, toda a dor que acompanhou Rihanna durante a era.

R5Shell: Tudo clareou, estamos falando de superação, estamos falando de Loud. Rihanna em sua melhor energia.

R6Gallery: Talk That Talk foi marcado pela estabilização da Rihanna na mídia, Rihanna fixou sua imagem, seu sucesso e sua carreira. Independentemente do que estivesse ao redor NADA poderia afetá-la ou afetar sua carreira.

R7The Office: Unapologetic marcado pela consagração financeira e estabilização profissional eterna de Rihanna. Muito poder envolvido.

R8O começo e o fim: Rihanna já consagrada (a ponto de estar lançando um álbum gratuito sobre domínio de sua própria gravadora) voltando ao lugar que teria sido o começo e ao mesmo tempo o fim.

Rihanna GIF - Find & Share on GIPHY

Logo após o último cômodo do ANTI Diary ser desbloqueado, Rihanna lançou oficialmente seu oitavo álbum de estúdio no dia 28 de janeiro de 2016. E o melhor, graças à Samsung, um milhão de cópias foram distribuídas gratuitamente para os fãs!

iTunes/Apple Music Google Play Spotify Deezer Tidal

Há quem diga que o álbum não agradou a todos, mas veja só a posição da conceituada revista TIME:

Rihanna é talvez a pessoa mais carismática no planeta e o ANTI é seu primeiro disco a reconhecer o dito carisma em sua maior força. A música interior está em todo lugar: Ela move-se do Dancehall para o puro Soul, para o Sujo Trap-Pop, para o estilo psico do Tame Impala sem piscar, confiando em sua força de personalidade para segurar tudo junto. O resultado é um álbum que cria e ignora tendências ao invés de almejá-las. O estrelato de Rihanna tem sido indivisível por uma década até este momento.


Singles:

WORK feat. Drake:

VIRALIZOU define? A música mais cativante do ano: instigante, insinuante e irresistível, com um refrão para uma era que exige produtividade implacável. Rihanna gravou um vídeo, gravou outro e na dúvida lançou os dois. Juntos! Assista.

Confira alguns lacres fatos interessantes:

  • #Rihanna e #WORK foram os assuntos mais comentados no Brasil e no mundo no Twitter.
  • Com apenas dois dias de vendas, “Work” estreou em #1 na Hot Digital Songs e em #9 na Billboard Hot 100.
  • A música ficou no topo das paradas dos EUA por incríveis 9 semanas.
  • Foi o 20º single de Rihanna a atingir o Top 5 nos EUA, sendo assim, Rihanna empata com Michael Jackson e Stevie Wonder e fica atrás somente dos grandes nomes: Janet Jackson (24), Mariah Carey (26), Madonna (28) e Beatles (29). Rihanna bateu o record de Michael Jackson por isso.
  • Já ultrapassou a marca de 1 BILHÃO de streams mundialmente.
  • Foi o single mais bem-sucedido em plataformas de streaming no 1º semestre de 2016 nos EUA.
  • “WORK” FOI A MÚSICA MAIS OUVIDA NO SPOTIFY NO BRASIL EM 2016.

Sucesso, não é, amores?

Depois… eles chegaram juntos às rádios: Needed Me e Kiss It Better:

O single “Needed Me” recebeu pela Associação da Indústria Fonográfica da América (RIAA) o disco de platina dupla por 2 milhões de cópias vendidas em território americano. O mesmo também superou “Work” e se tornou, na época, a música com mais streamings nos EUA vindo uma artista feminina. Total de 170 milhões de streams e ainda ultrapassou a marca de 1 milhão de cópias puras vendidas nos EUA.

Já “Kiss It Better” chegou ao topo da  Billboard Dance Club Songs, chart das canções mais populares nas boates dos Estados Unidos, se tornando o 26º número um de Rihanna nessa categoria.

A Billboard elegeu “Kiss It Better” como a 2ª melhor música R&B do ano, a mais bem avaliada entre os candidatos do Grammy de Melhor Canção R&B.

E a esquecida… Love On The Brain:

Foi até anunciada como single, mas não foi bem trabalhada por Rihanna. A canção se tornou o vigésimo segundo single da mesma a entrar para o Top 5 da Billboard Hot 100, superando Elvis Presley.

Rihanna realizou uma performance épica da canção no Billboard Music Awards 2016 (acima).

@badgalriri WE ARE READY FOR LOTB VIDEO!

A post shared by RIHANNA.com.br (@rihanna.com.br) on


ANTI World Tour:

Também com patrocínio da Samsung, a turnê teve inicio em Jacksonville, na Flórida, em março de 2016. Rihanna nos emocionou com a diversidade de tons significativos utilizados em quatro figurinos diferentes:

Apesar de boatos sobre um documentário, nenhum registro oficial da turnê foi lançado. Exceto pela apresentação de Rihanna, com apenas um figurino, no Festival Made in America, disponível completo no Tidal e até em DVD em algumas lojas online brasileiras, de forma não oficial.

A ANTI World Tour foi definida como “mundial”, o que não ocorreu. Rihanna passou pela América do Norte, Europa e apenas um país asiático. Tudo estava certo para Rihanna visitar o Brasil, em São Paulo e Salvador, além de mais alguns países latino-americanos. Por algum motivo, a turnê por aqui foi cancelada. 🙁

SETLIST DA TURNÊ:

  1. Stay
  2. Love The Way You Lie
  3. Woo
  4. Sex With Me
  5. Birthday Cake
  6. Numb
  7. Pour It Up
  8. BBHMM
  9. Pose
  10. Consideration
  11. Live Your Life/All Of The Lights/Run This Town
  12. Umbrella
  13. Desperado
  14. Man Down
  15. Rude Boy
  16. Work
  17. Take Care
  18. How Deep Is You Love/We Found Love
  19. Where Have You Been (performance dos dançarinos)
  20. Needed Me
  21. Same Ol’ Mistakes
  22. Diamonds
  23. FourFiveSeconds
  24. Love On The Brain
  25. Kiss It Better

RECORDES DO ANTI E PARADAS MUSICAIS:

  • 1 milhão de cópias vendidas, com isso, conseguiu Certificado de Platina pela RIAA (downloads comprados pela Samsung e disponibilizados de graça pelo Tidal). ANTI foi o álbum mais rápido a ganhar certificado platina na história.
  • 6 de fevereiro de 2016: ANTI É #1 NA BILLBOARD 200!
  • 20 de maio de 2016: O álbum ANTI recebe o certificado de ouro por suas vendas no Reino Unido (100 mil cópias).
  • 2 de junho de 2016: ANTI ultrapassou a marca de 1 milhão de cópias puras vendidas mundialmente.
  • 19 de julho de 2016:  ANTI faz parte do grupo dos 10 álbuns que passaram 6 meses contínuos no Top 10 da Billboard 200 na década.
  • 11 de setembro de 2016: O ANTI vendeu cerca de 1,5 milhão unidades nos Estados Unidos e mais de 4 milhões de unidades no mundo (Streaming+Físico).
  • 27 de setembro de 2016: segue mais um capítulo da série “eu não vim para ter dó”, onde Rihanna é a protagonista: ANTI aparece em quarto na lista da Billboard de Melhores Álbuns de 2016! A revista fez uma pequena resenha sobre o álbum:

“A regra do F*DA-se sempre se aplica com Rihanna, e ‘ANTI’ não é uma exceção. Liderado pela contagiante ‘Work’, com Drake, o disco explora o lado sensual da bad girl, especialmente em faixas como Sex With Me, Yeah I Said It e Kiss It Better.”

  • 3 de outubro de 2016: ANTI em #9 na Billboard 200. Com isso, o ANTI entrou em uma lista seleta de álbuns que ficaram 33 semanas no top 10 da Billboard 200, junto a nomes como Madonna, Mariah Carey e Spice Girls.
  • 24 de novembro de 2016: “ANTI” FOI ELEITO O ÁLBUM FEMININO MAIS ICÔNICO DE 2016 em votação promovida pela Billboard. A votação tinha os nomes de Beyoncé, Lady Gaga e Britney Spears.
  • 19 de dezembro de 2016: ANTI foi eleito o segundo melhor álbum POP de 2016 pela Rolling Stone.

COLABORAÇÕES E PARCERIAS:

This Is What You Came For – Calvin Harris:

“Ela tem aquela voz icônica, ela é um ícone por si só. A voz dela é fora de controle!” – Calvin Harris sobre Rihanna.

Não sabemos se foi farofa, se foi chiclete, apenas sabemos que tocou e favoritou incansavelmente no mundo inteiro.

A canção foi duas vezes platina pela RIAA e estreou em #9 na Billboard Hot 100, chegando ao pico de #3 e #2 no Reino Unido. A música nunca teve uma apresentação ao vivo, mas levou um vídeo bem bacana.

Famous – Kanye West:

Polêmico na época, a canção e o clipe fizeram referência aos relacionamentos de Kanye West, Rihanna e vários outros famosos. Rihanna oficialmente nunca divulgou a música de forma alguma.

Nothing is Promised – Mike Will Made-It feat. Rihanna:

Rihanna canta iconicamente: “Got a turbo Porsche and I don’t even move it” (Tenho um Porsche Turbo e eu sequer andei nele).

No trecho da canção, Rihanna cita a Porsche 911 Turbo S, que ganhou de presente da RocNation, em 2012 como presente de Natal! O preço mínimo do esportivo luxuoso, convertido, é de quase R$700 mil reais. Ouça.

Sledgehammer para o filme Star Trek Beyond:

“A canção é sobre quebrar barreiras. Sendo para Star Trek, é tudo sobre a exploração do desconhecido, sendo a ideia de transcendência com blocos que colocamos em nós mesmos. Para mim, a personagem de Rihanna é como uma estrangeira vivendo em outro planeta, sendo uma mística que aproveita o poder de manipular elementos”. Floria Sigismond diretora do clipe da canção.

Too Good – Drake:

Faixa presente no álbum Views From The 6 do Drake, lançado no dia 29 de abril de 2016.

Rihanna está no álbum é claro… Não seria um álbum sem Rihanna, seria? Nós fizemos juntos como um time.  Eu acho que é isso que faz as músicas melhores. Nós não estamos forçando uma história, temos uma energia genuína entre nós. Ela foi para o estúdio e apenas fez isso. Foi perfeito, vitorioso.

Veja apresentação da dupla durante um show de Drake em 2016.

Selfish – Future

Loyalty – Kendrick Lamar


PRÊMIOS E MAIS INFORMAÇÕES DA ERA ANTI:

VMA 2016:

RIHANNA FOI GLORIFICADA COM O PRÊMIO MAIS IMPORTANTE DO EVENTO, O MICHAEL JACKSON VIDEO VANGUARD AWARD. O prêmio é entregue para cantores que fizeram profunda diferença no mundo musical, sendo impactantes e influentes com seus videos, músicas, moda, cinema e filantropia.

“Começou com meu sonho, mas hoje o meu sucesso não é só meu, é dos meus familiares, dos fãs e de todos que se sentem representados por mim”. Rihanna

No total foram QUATRO apresentações que somaram quase 20 minutos de performances da Rihanna durante toda a noite. Assista clicando na ordem das performances abaixo.

  • Primeira: Don’t Stop The Music, Only Girl, We Found Love e Where Have You Been.
  • Segunda: Rude Boy, What’s My Name e Work.
  • Terceira: Needed Me, Pour It Up e Bitch Better Have My Money.
  • Quarta: Stay, Diamonds e Love On The Brain.

💎

A post shared by RihannaNoMundo (@rihannanomundo) on

Michael Jackson Video Vanguard Award entregue por Drake a Rihanna: assista e assista.

Além do Michael Jackson Video Vanguard Award, Rihanna venceu a categoria de melhor clipe masculino em parceria com Calvin Harris.

BRIT 2016:

💎

A post shared by RihannaNoMundo (@rihannanomundo) on

A primeira performance de “Work” com Rihanna e Drake ocorreu no BRIT Awards e deixou todos boquiabertos. Assista aqui. Ah! Antes ainda teve trechinho de “Consideration”. <3

GRAMMY 2017:

💎

A post shared by RihannaNoMundo (@rihannanomundo) on

Aclamado pela crítica, ANTI e suas músicas foram nomeados em 8 categorias na premiação. As expectativas eram altas, mas, infelizmente, o disco foi completamente esnobado e deixou não só os fãs surpresos. Rihanna chegou atrasada na premiação, levou um cantil e ao menos se divertiu bastante — claro, foi uma das três mais faladas da noite, sem mesmo se apresentar ou levar prêmios. Rainha, né?

Humanitarian Of The Year:

💎

A post shared by RihannaNoMundo (@rihannanomundo) on

Rihanna recebeu prêmio de Ativista do Ano pela Universidade de Harvard nos Estados Unidos por seu duro trabalho e esforços de filantropia.

“As pessoas fazem que isso pareça difícil. Não é preciso ser rico para ajudar alguém, nem sequer é necessário ter um diploma universitário”, acrescentou, enquanto dizia em tom de brincadeira que gostaria de ter tido um. “Eu desafio cada um de vocês a assumir o compromisso de ajudar uma pessoa, uma organização, uma causa que tenham no coração. Minha avó sempre me dizia: ‘se você tem um dólar, tem muito o que dividir'”.

Veja o discurso completo legendado em português.

Footwear News Achievement Awards 2016:

💎

A post shared by RihannaNoMundo (@rihannanomundo) on

A colaboração de Rihanna com a PUMA levou a lançamentos de tênis e coleções completas. Pelo sucesso do campeão de vendas “Puma Fenty by Rihanna Creepers“, ela se tornou a primeira mulher da história a levar para casa o prêmio principal de Calçado do Ano de 2016 da conceituada Footwear News.

“Em meus sonhos, eu nunca teria imaginado uma honra como essa. Isso significa muito pra eu fazer uma marca como esta na indústria de calçados e tênis e ter tantas pessoas compartilhando meu amor pelo Creeper.”

Billboard Music Awards 2016:

Rihanna levou para casa o principal prêmio do Billboard Music Awards 2016, o Billboard Chart Achievement Award, que premia artistas por suas grandes realizações. Claro que teria que ser ela, né?! Assista aqui. Na mesma premiação, ela cantou “Love On The Brain“.

+

  • Rihanna visitou o programa da Ellen DeGeneres e se divertiu bastante. Veja.
  • Apesar de Rihanna não ter comparecido à premiação, ANTI levou para casa o prêmio de Melhor CD de R&B no iHeartRadio Music Awards de 2017. “Work” também ganhou Melhor Colaboração e Música de R&B do Ano.
  • No American Music Awards 2016, Rihanna venceu Melhor Artista Feminina de Soul/R&B e “Work” ganhou Melhor Música de Soul/R&B.
  • Rihanna reviveu o clássico personagem do filme Psicose na série de TV Bates Motel como Norma Bates. Rihanna apareceu em dois episódios da última temporada do seriado em 2017. É possível encontrar trechos e trailers das aparições no YouTube.

Era Anterior: UNAPOLOGETIC

Natália Almeida
Siga-me

Natália Almeida

Colaboradora em RIHANNA.com.br
Meu nome é Natália Caroline, eu me tornei fã da Rihanna em 2009 ao assistir o Live in Milano. Desde então, o envolvimento e a dedicação se tornaram fortemente presentes na minha vida. Estive no Rock in Rio 2011 e no Rock in Rio 2015, os eventos foram os momentos que mais me marcaram.
Natália Almeida
Siga-me

Últimos posts por Natália Almeida (exibir todos)

Comente abaixo e interaja com outros fãs :)